quarta-feira, 29 de setembro de 2010

Oxalá

Oxalá ou Obatalá: Divindade da criação,pai de todos os Orixas.




No começo, o mundo era todo pantanoso e cheio d`água, um lugar inóspido,sem nenhuma serventia. Acima dele havia o Céu,onde viviam Olorum e todos os Orixás,que às vezes desciam para brincar nos Pântanos insalubres.
Desciam por teias de aranhas penduradas no vazio.
Ainda não havia terra firme, nem homem existia.Um dia Olorum chamou à sua presença Oxalá, o Grande Orixá.Disse-lhe que queria criar terra firme lá em baixo e pediu-lhe que realizasse tal tarefa.
Para a missão,deu-lhe uma concha marinha com terra,uma pomba e uma galinha com pés de cinco dedos.
Oxalá desceu so pântano e depositou a terra da concha.Sobre terra pôs a pomba e a galinha e ambas começaram a ciscar.
Foram assim espalhando a terra que viera na concha até que terra firme se formou por toda parte.
Oxalá voltou a Olorum e relatou-lhe o sucedido.
Olorum enviou um camaleão para inspecionar a obra de Oxalá e ele não pôde andar sobre o solo que ainda não era firme.
O camaleão voltou dizendo que a Terra era ampla , mas ainda não suficientemente seca.
Numa segunda viagem o camaleão trouxe a notícia de que a Terra era ampla e suficientemente sólida,podendo-se agora viver em sua superfície.
O lugar mais tarde foi chamado Ifé,que quer dizer ampla morada.
Depois Olorum mandou Oxalá de volta a Terra para plantar árvores e dar alimentos e riquezas ao homem. E veio a chuva para regar as árvores.
Foi assim que tudo começou.
Foi ali, em Ifé,durante uma semana de quatro dias, que Oxalá criou o mundo e tudo que existe nele.

Referência Bibliográfica
PRANDI,Reginaldo: Mitologia dos Orixás.São Paulo: Companhia das Letras,2001

sábado, 25 de setembro de 2010

Pixinguinha - Carinhoso

Interpretação Marisa Monte, Paulinho da Viola




video

sexta-feira, 24 de setembro de 2010

Adinkra


Simbolo do conhecimento,da aprendizagem permanente e da busca contínua do saber

Adinkra

É um sistema de escrita ideográfica criado pelo povo Akan,originário da África Ocidental, hoje Gana. Adinkra significa adeus.


O Adinkra é a prova de que os povos africanos possuiam um sistema de escrita antes da escrita árabe- assim como os hieróglifos egípicios.

Fontes :
A cor da Cultura
ADINKRA,sabedoria em simbolos africanos. Elisa Larkin e Luis Carolos Gá(org)